quinta-feira, 14 de abril de 2016

Doce de Nabo

Já partilhei anteriormente o quanto eu gosto de fazer doces. Gosto, sobretudo, de ir fazendo doces diferentes, experimentando sabores e outros alimentos. Normalmente faço os doces com produtos que tenho na horta ou que alguém me oferece. E o que tenho na horta neste momento? Nabos, isso mesmo.

Nabo, aquele alimento rico em cálcio e com poucas calorias, mas que eu penso que é pouco apreciado pela maioria das pessoas. De tal forma que quando alguém é assim meio tótó costumamos chamar-lhe nabo. Ninguém chama cenoura a uma pessoa em tom depreciativo, isso deve-se certamente ao facto da cenoura ser saborosa. Claro que isto é apenas uma constatação pessoal.

Mas voltando aos nabos, eu só gosto de nabo cru ou quando está misturado na sopa de grão, por isso já devem ver que os nabos cá em casa não têm grande utilidade. Até que pensei e se eu fizer doce de nabo. Assim o pensei, assim o fiz.

É muito fácil, descascam-se e cortam-se os nabos aos bocados, os quais ficam de molho em água com sumo de limão no mínimo durante duas horas.
Nabos cortados
Imagem própria

Nabos de molho em água e sumo de limão
Imagem própria


Passadas as duas horas, em lume brando juntar os nabos (já tinha pesado anteriormente, depois de descascados) e 80% do seu peso em açúcar. No meu caso, juntei 900 gramas de nabo e 750 gramas de açúcar. Juntar alguma água só para que o conteúdo não pegue, antes do açúcar começar a derreter. Adicionar, ainda, um pau de canela.

Ir sempre mexendo até estar bem cozido. Depois de cozido, passar com a varinha mágica ou esmagar manualmente, consoante se goste mais de um doce (textura mais regular) ou de compota (pedaços de nabo inteiros). Quando o doce fizer ponto de estrada está pronto, caso queiram guardar durante algum tempo, aconselho a fazerem-no em frascos devidamente esterilizados.

E aqui está o doce depois de pronto.

Imagem própria


Agora, a questão é, eu gosto do doce? Nem por isso, sabe a nabo cozido, sabor que eu não gosto. O doce não é mau, tendo em conta que é de nabo. Quem já provou diz que para doce de nabo não é mau, o que significa que não é grande coisa.

Um dos frascos vou enviar para uma tia que costuma gostar deste tipo de sabor. O outro ofereço a alguém que seja fã de nabo, alguém quer experimentar? É que cá para casa basta a tacinha.




Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...