sábado, 29 de agosto de 2015

Pasta Dentrífica Couto - a minha escolha

Há cerca de 5 anos, decidi começar a usar Pasta Dentrífica Couto, deve ter sido depois de ter lido esta postagem Passar a usar pasta de dentes natural do blogue 365 coisas que posso fazer... Nesta altura, ainda não tinha feito o workshop de sabonetes e não sabia a história do LSS (Lauril Sulfato de Sódio), do qual falei na postagem Sabonetes. O LSS é aquele ingrediente que só serve para fazer espuma e mal à saúde e que está presente em quase todos os produtos de higiene que usamos.

Mas acho que o grande motivo porque decidi usar Pasta Dentrífica Couto é porque é portuguesa, poupava na importação de produtos (acho que quase todas as pastas de dentes vendidas nas grandes superfícies são feitas fora de Portugal), logo reduzo o gasto em transportes/energia. Além disso, é uma pequena empresa portuguesa, acho que devemos apoiar as pequenas empresas nacionais (afinal eu sei o que custa ter uma empresa) em detrimento das grandes multinacionais.

E assim, num mini-mercado em Figueiró dos Vinhos comprei umas quatro embalagens da Pasta Couto. Na altura, ainda não morava com o meu namorado, decidi oferecer-lhe uma para o tentar convencer. Ele detestou porque não fazia espuma, lá está não tem LSS, logo no entender dele não lavava bem, por isso quando começamos a morar juntos voltei à Colgate, Aquafresh e coisas do género.

Mas agora decidi novamente voltar a minha pasta. Amigos, amigos, pasta de dentes à parte, se não o consigo convencer, paciência. Eu uso a minha pasta de dentes e ele a dele.

Por isso, hoje já fui comprar duas bisnagas de Pasta Dentrífica Couto e continuar a minha vida sem LSS, acho que agora já só o uso no shampoo, tenho de ver as alternativas económicas para um shampoo sem LSS.

Claro que devem existir mais marcas de pasta de dentes sem LSS, mas feitas em Portugal não sei. A pasta de dentes do meu pai não tem LSS, mas bem foi receitada pelo dentista e custa 7€ uma bisnaga, logo não me parece que seja solução para mim. Hei-de ir aos supermercados biológicos ver o que há por lá, mas normalmente saiu sempre desiludida destes supermercados, tudo muito caro e quase tudo feito no centro e norte da Europa (deve ser onde as pessoas já se renderam aos produtos biológicos).

Sobre a Pasta Dentrifica Couto, o centro vegetariano diz isto. Mais um ponto a favor, não é testada em animais.

Agora sinceramente eu também não sei exactamente o que são alguns destes ingredientes: Aqua, Hydroxyapatite, Glycerin, Potassium Chlorate, Hydroxyethylcellulose, Sodium C12-18 Alkyl Sulfate, Mentha Piperita, Menthol, Paraffinum Liquidum, Anethol, Sodium Saccharin, Thymol, Eugenol. Mas até conhecimento em contrário vou acreditar que não são assim muito maus.



Recapitulando, vantagens da Pasta Dentrifica Couto: é nacional (propriedade e produção) fomentando a nossa economia; não sendo importada gasta menos em energia no que se refere aos transportes, não tem LSS (ingrediente potencialmente prejudicial à saúde), não é testada em animais.

Desvantagens, não se encontra em qualquer sítio, mas em lojas mais antigas, mercearias, mini-mercados ou até mesmo numa loja do chinês é comum existir.


Bem posso sempre começar a fazer a minha pasta de dentes, mas tal como me conheço sei que não o vou fazer, pelo menos não de uma forma constante. Fiz o workshop dos sabonetes, adorei, mas bem por isso comecei a fazer sabonetes regularmente.

Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...